Síndrome de Burnout está entre as cincos principais preocupações de gestores.

De acordo com a pesquisa Global Talent Trends 2019, realizada pela Consultoria Mercer, depois de ouvir mais de 7 mil executivos, responsáveis de RH e colaboradores em 16 países, a síndrome de burnout é uma das cinco principais preocupações dos gestores de empresas. Um outro estudo, feito pelo International Stress Management Association no Brasil (ISMA-BR), …

Síndrome de Burnout está entre as cincos principais preocupações de gestores. Leia mais »

O telemarketing corre o risco de acabar?

Entrou em vigor no último dia 16 de julho o site naome-perturbe.com.br, que permite que o cidadão se cadas-tre em uma lista para bloquear as chamadas de tele-marketing de algumas empresas de telecomunicações. A iniciativa é fruto de um acordo entre operadoras e a Anatel (Agência Nacional de Te-lecomunicações) para “padroni-zar o uso deste mecanismo …

O telemarketing corre o risco de acabar? Leia mais »

Acionar a gestão estratégica é alternativa eficaz em tempos de instabilidade econômica

A Gestão estratégica apresenta a direção que a empresa deve tomar em diferentes cenários. Mesmo com o consumo prejudicado pela crise, algumas atitudes tomadas por parte de quem está à frente de cada empresa podem definir o rumo do negócio. O momento de incertezas exige que o empreendedor desenvolva um olhar crítico sobre o seu …

Acionar a gestão estratégica é alternativa eficaz em tempos de instabilidade econômica Leia mais »

O que você precisa saber antes de abrir um negócio

Muitos sonham em ter seu próprio negócio. A possibilidade de trabalhar com aquilo que gosta tendo ainda a oportunidade de ser seu próprio chefe é o sonho de 77% dos brasileiros, segundo pesquisa encomendada pela Herbalife Nutrition e conduzida pela OnePoll. O fato é que nem todos chegam lá: apenas 21% conseguem materializar esse sonho. …

O que você precisa saber antes de abrir um negócio Leia mais »

Quando a união faz a força: loja colaborativa é aposta promissora das novas economias

Conseguir um espaço para comercializar produtos nem sempre é fácil. Tem o aluguel do ponto, despesas com funcionários e gastos internos que podem dificultar a abertura do negócio. Diante desse empecilho, uma alternativa tem se destacado: as lojas colaborativas, modelo de negócio baseado no compartilhamento de custos entre empresas. De acordo com o especialista em …

Quando a união faz a força: loja colaborativa é aposta promissora das novas economias Leia mais »